Pesquisa personalizada
Diz-se por aí que os folares andam à solta, e eu trago este de maçã e canela que é muito bom.

Já o fiz há algum tempo, não foi recentemente, porque para ser sincera não tenho feito nada, nada mesmo. Daí o blogue andar paradito... 
Vamos ver se saio deste modo "blocked".








Ingredientes:

Usar uma chávena com a capacidade de 250 ml como medida

1 chávena de leite
1 ovo grande (L ou XL)
1 chávena de açúcar
100 gr. de manteiga à temperatura ambiente
1/2 colher de chá de sal
3,5 chávenas de farinha trigo sem fermento
1 pacote de fermento 11 gr. Fermipan
1 colher sobremesa de canela em pó

Recheio:
2 maçãs
Canela a gosto

Açúcar para polvilhar antes de ir ao forno

Preparação:

Aquecer o leite sem deixar ferver. Juntar a manteiga para derreter. Juntar o fermento à mistura morna de leite e manteiga.

Colocar todos os ingredientes na taça da batedeira e mexer com os ganchos (em espiral) cerca de 10 minutos. Tapar com película transparente ou um pano e deixar levedar.
Assim que a massa estiver levedada, descasque as maçãs e parta aos bocadinhos finamente.

Transferir a massa para a bancada (polvilhada com farinha) e estender com um rolo formando uma quadrado com cerca de 30X30 cm (se necessário use mais um pouco de farinha para trabalhar a massa). 

Espalhe os bocadinhos de maçã e polvilhe com canela a gosto. Enrole, formando um rolo.
Parta o rolo em 6 partes iguais e coloque-os com a parte da maça exposta virada para cima, numa forma de buraco untada com margarina, ou com papel vegetal manteiga (como eu o fiz).
Tapar e deixar levedar novamente.

Pré-aquecer o forno a 190ºC.
Antes de colocar no forno polvilhar a parte de cima com açúcar a gosto e levar a cozer.





Este bolo, ou melhor, chamar-lhe-ia antes queijada, devido à textura com que ficou. Resultou de misturar isto, misturar aquilo e ver no que dava. A primeira vez que fiz, esqueci-me de forrar a forma com papel vegetal e ele colou. Tive de fazer novamente, e não me importei nada, pois ficou uma delícia.
Fica um bolinho baixo, mais parece uma tarte. 
Fica um bolinho húmido, fofo, muito saboroso mesmo!
Experimentem que não se vão arrepender.
As fotos não "dizem" o quão bom que é.





Ingredientes:

500 gr. de cenoura
Sal
1 pau de canela
4 ovos
200 gr. de açúcar
Raspa de 1/2 limão
4 colheres sopa de farinha maizena (amido de milho)
1 colher sopa de farinha trigo com fermento
1 colher chá de canela em pó
3 colheres sopa de vinho do Porto
2 colheres sopa de manteiga (derretida e fria)
1 colher sopa de fermento em pó

Preparação:

Descascar a cenoura cozendo-a em água temperada com sal e 1 pau de canela.
Depois de cozida, coar, e deixar escorrer bem a água.

Transformar em puré (ralei com a varinha mágica) e, deixar arrefecer totalmente.
Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Com a batedeira bater o puré de cenoura com os ovos, o açúcar, a manteiga derretida, a raspa de limão e o vinho do Porto.
Juntar a maizena, a farinha, a canela em pó, o fermento e envolver tudo com um batedor de ovos.

Forrar a base duma forma redonda com papel vegetal manteiga (ou unte-o e polvilhe com farinha).
Verter a massa e levar a cozer.






Minhas estimadas seguidoras, o post de hoje tem como objectivo colocar um ponto final à "Rubrica Quem Fez o Quê", criada por mim aqui no blogue.

Criei esta rubrica quando comecei a receber emails com fotos de quem replicava receitas aqui do estaminé, entre outros mails...

Então em forma de agradecimento, publicava um post aqui no blogue, onde divulgava o nome e foto (da receita) da pessoa que estava por detrás da mesma. 

Como não tenho recebido nada já há bastante tempo, esta rubrica deixou de fazer sentido neste espaço.

Continuará a existir um cantinho no facebook para colocar as vossas fotos caso as receba.
Ou vocês mesmas podem partilhar na minha cronologia.
Agradeço a todas que deram vida à rubrica até
hoje.
Obrigada pela v/ compreensão.




Este bolo fica muito fofinho. Foi feito para o aniversário de uma pessoa especial, tendo sido confeccionado ao gosto da mesma.
Não leva farinha, só leva fécula de batata o que faz dele fofinho. A massa foi humedecida com sumo de laranja.

Hei-de fazer esta versão em tabuleiro, mas com ananás de conserva e a massa regada com a calda do mesmo. É assim a receita original dada pela Clara, uma Amiga minha!
Fresquinho é muito bom!
Deixo aqui a receita de como fiz este.



Ingredientes:
A forma usada tem o diâmetro de 27 cm e era de fundo amovível

430 gr. de açúcar (só pus 250 gr)
8 ovos grandes
200 gr. de fécula de batata
2 colheres de chá de fermento em pó

Recheio:
150 gr. de chocolate negro 70% cacau
1 lata de leite condensado
1 pacote de natas 200 ml
200 gr. de chocolate branco

2 embalagens de framboesas frescas
Sumo de 1 laranja para pincelar
Coco para polvilhar

Preparação:


Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Separar as gemas das claras.
Com a batedeira bater as gemas com o açúcar até obter um creme.
Junte o fermento à fécula e envolva-os no preparado anterior.
Bater as claras em castelo e adicionar aos poucos à mistura anterior, envolvendo cuidadosamente.

Untar uma forma com manteiga, forrando o fundo com papel vegetal manteiga ou unte-o.
Levar a cozer. Assim que estiver cozido, deixar arrefecer um pouco e desenformar.
Reserve até esfriar.
Partir o bolo ao meio e pincelar com sumo de laranja, para humedecer um pouco a massa.

Preparação do recheio:
Num tacho levar ao lume fraco cerca de 1/3 de leite condensado e 1/3 de natas. Deixar aquecer, juntar o chocolate negro partido aos bocados e deixar derreter.
Rechear o bolo com este creme. Por cima coloque algumas framboesas.

Noutro tacho colocar o restante leite condensado e natas deixando aquecer em lume baixo (senão tem tendência a torrar). Juntar o chocolate branco partido aos bocadinhos e mexer para derreter.

Assim que estiver derretido, retire do lume e cubra com película transparente. Deixe arrefecer.
Barre o bolo. Polvilhe com um pouco de coco e decore a gosto com as framboesas.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Top blogs de receitas

Parcerias com:

Chás, Compotas, Mel....

Comprar on-line