Pesquisa personalizada
Não podia deixar de colocar esta receita nesta época festiva. Fi-los no fim-de-semana, pois a mim sabe-me melhor estas iguarias fora de época do que na própria. Até porque esta época já nada me diz, ao contrário de muita gente. Para mim perdeu o encanto que tinha há alguns anos atrás.

Fiz sonhos simples e sonhos recheados, como comia quando era ainda adolescente feitos pela minha avó propositadamente para mim. Era a minha recompensa de a ajudar a fazer os bolos para fora (como antigamente era usual, as tradicionais "boleiras"). Dão um pouco de trabalho, mas o resultado final é compensatório. Ficam muito fofinhos e desaparecem num abrir e fechar de olhos.

E com esta receita, me fico por aqui até Janeiro, pois esta altura, para mim, é de reflexão do que se passou ao longo do ano e não só. De "coisas" que desejava que não tivessem acontecido, mas que aconteceram e vice-versa, dos erros cometidos, mas que serviram para aprendizagem e crescimento interior.
Enfim, uma amálgama de "coisas" sobre as quais me debruço interiormente e que me levam a afastar daqui por uns dias. Mas volto em Janeiro com coisinhas boas, assim o espero (*_*)

Desejo a todos os que me visitam BOAS FESTAS! E agradeço a todos os comentários deixados ao longo do ano.



Creme de ovos:

Massa já com os ovos:


Massa sem os ovos:

Ingredientes:


250 ml leite

150 gr. farinha trio com fermento

100 gr. manteiga

4 ovos

3 colheres sopa de açúcar

1 casquinha de limão

1 colherzinha café de sal

Para polvilhar: açúcar e canela em pó

Recheio:

3 gemas

115 gr. açúcar

120 ml água

Preparação:

Leve ao lume um tacho com o leite, a manteiga, sal, casca de limão e as 3 colheres sopa de açúcar.

Quando ferver, despeje a farinha e mexa com uma colher de pau até formar uma bola que se despegue facilmente das paredes do tacho.


Retire a massa para um recipiente e deixe amornar.

Com a massa ainda morna, adicione os ovos um a um, mexendo sempre entre cada adição.


Nota: se a massa ganhar grumos, passe a varinha mágica no fim, mas em princípio não ganha.


Com duas colheres moldar bolinhas e levar a fritar em óleo em lume brando, para que não queimem por fora e fiquem cruas por dentro. A meio da fritura pique os sonhos uma só vez com um garfo, e alguns até poderão abrir, mas depois de frios voltam à forma inicial.

Depois de fritos coloque-os sobre papel absorvente e passe-os por uma mistura de açúcar com canela.


Preparar o creme de ovos:

Leve ao lume a água com o açúcar e deixe ferver, assim que ferver reduzir o lume e deixar ferver durante 3 minutos. Desligar e deixar arrefecer.

Assim que esteja frio juntar as gemas previamente batidas com 1 batedor de ovos, levar novamente ao lume, e sem parar de mexer, deixar que ferva novamente para que engrosse um pouco. Retirar do lume e deixar arrefecer.

Com uma tesoura fazer um corte em alguns sonhos e rechear com o creme (usei uma seringa de pasteleiro, onde coloquei o creme).

Rendeu 26 sonhos.


Bem, o post de hoje nada tem haver com culinária, nem passeios, tem haver com tormentos!

Mas será que é só comigo? Preciso de opiniões vossas.
Mas porque é que neste mundo as pessoas são cada vez menos civilizadas? Sem respeito por nada e ninguém!!!

Refiro-me claro para quem vive em apartamentos, pois quem habita em casas não deve ter destes problemas.
Onde habito, ultimamente tem sido um corrupio de saídas e entradas de novos vizinhos, e, os que vêm para lá, devem julgar que estão a morar numa moradia de 4 frentes, pois é música aos berros, barulhos diversos e gargalhadas pela noite dentro, enfim....

Chega uma pessoa ao fim de semana, quer descansar e leva com isto. Nem a cozinha me consegue abstrair disso!!!
E se uma pessoa chama a atenção, ainda se acham com razão, os imbecis!!!


Haja paciência, que a minha esgotou-se! E acabei por chamar a polícia, que se limitou a fazer uma participação. Claro que existem mais vizinhos incomodados, mas nada fazem. Estão sempre à espera que alguém haja.
Mas eu não sou assim, não sou de comer e calar, não sou!
E convosco? Serei eu um íman?


Para variar e não comer a carne sempre da mesma forma, resolvi rechear este lombo.
Usei salsicha fresca, bacon e cenoura. E gostei bastante do resultado final.






Ingredientes:

1,5 Kg. lombo de porco

Batatas, sal e colorau em pó

Cebola

Para a marinada: Sal, 4 dentes de alho esmagados, vinho branco, 3 folhas de loureiro, 1 colher de sopa de massa de pimentão, piri-piri.

Para rechear:

2 salsichas frescas, bacon fatiado, 1 cenoura.

Preparação:

No talho peça para partir o lombo de forma a poder rechear (aberto tipo manta).

Fazer a marinada e colocar o lombo deixando-o na marinada pelo menos 6 horas.

Estender o lombo, colocar as fatias de bacon, por cima as salsichas e a cenoura partida em 4 partes sobre o comprido, enrolar o lombo e na parte final prender com palitos.

Colocar numa assadeira 1 cebola grande às rodelas, e por cima colocar o lombo. Verter toda a marinada por cima do lombo (não leva mais nenhum tipo de gordura, nem óleo, nem azeite). Colocar as batatas temperadas com sal e polvilhadas com colorau.

Cobrir com papel de alumínio e levar ao forno a 250ºC. Passado uma 1h15 min. retirar o papel de alumínio, e deixar estar no forno até ficar douradinho por cima (+/- 20 minutos), regando de vez em quando com o molho. Fatiar e servir.



Hoje deixo aqui um belo snack, uma bola de carnes. É muito rápida de se fazer, pois não tem de levedar.Ideal para lanches.

Fica muito boa e fofa como podem constatar pelas fotos. E aguenta-se fresca vários dias fechada num tupperware.

A receita é de uma pessoa que considero uma grande amiga minha, a CL.








Ingredientes:

Usar 1 chávena ou uma caneca como medida

1 chávena cheia de ovos

1/2 chávena de óleo

1,5 chávena de leite

3 chávenas de farinha trigo com fermento

1 colher chá fermento em pó

Sal q.b.

1 ovo batido para pincelar

Para recheio:

Mortadela

Fiambre

Chourição

Nota: Pode optar por outros recheios como bacon, o que quiser

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 200/220ºC.

Juntar todos os ingredientes e bater com a batedeira.

Unte um tabuleiro com margarina, ou forre com papel vegetal e unte-o.

A massa fica um pouco liquida, mas é mesmo assim.

Espalhe metade da massa, disponha as carnes a gosto, e cubra com a restante massa.

Pincelar a massa com ovo batido.

Leve ao forno a cozer, e assim que estiver cozida retire. Deixe arrefecer um pouco e desenforme.

Demorou cerca de +/- 35 minutos, mas faça o teste do palito.


Umas cenourinhas em excesso no frigorífico dá nisto. E deu muito bem!!! Aqui deixo uma queijada de cenoura que ficou uma delícia. Bem, já aqui tenho dito que alguns doces desaparecem muito rápido, mas esta queijada simplesmente se evaporou. Devem andar aqui alguns seres nocturnos sedentos de doces, ai devem, devem...

Esta receita retirei do Blog No Conforto da Minha Cozinha, onde encontrei umas belas queijadinhas de cenoura. Só optei por em vez de fazer individuais, fazer uma queijadona.

Obrigada SarinhaT pela partilha.

A esta receita só acrescentei 1 pau de canela à cozedura da cenoura.

Aqui fica a sugestão. Não se acanhem e experimentem, pois não se irão arrepender.





Ingredientes:

500 gr. de cenoura

250 gr. açúcar

50 gr. de margarina

Raspa de meio limão

4 ovos

100 gr. farinha de trigo com fermento

1 colher chá fermento em pó

Margarina para untar e farinha para polvilhar.

Coco q.b.

1 pau canela, sal


Preparação:

Cozer a cenoura em água temperada com sal e 1 pau de canela.

Derreter a margarina para que esfrie.

Depois de cozida deixar escorrer bem e ralar com varinha mágica para ficar em puré.

Misturar todos os ingredientes e bater com a batedeira.

Colocar papel vegetal numa tarteira de aro amovível, untá-lo com margarina e polvilhar com farinha.

Pré-aquecer o forno a 180ºC e levar a cozer.

Demorou cerca de 45 minutos, mas convém verificar fazendo o teste do palito.

Deixar arrefecer e polvilhar com coco ralado.


Para adoçar o vosso fim de semana, deixo aqui uns bombons de coco.

Quem pensa que derreter chocolate é fácil, está redondamente enganado. Pelo menos é a minha opinião. Pois se ultrapassar uma certa temperatura em vez de derreter, acontece o contrário, fica uma pasta, que não dá para fazer nada.

Usei as forminhas que já tinha das estrelas, e uma forma nova de corações.


Ingredientes:
1 tablete de chocolate de culinária
Coco q.b.


Preparação:
Partir o chocolate aos cubinhos e colocar numa taça de pirex para levar a derreter em banho-maria.
Num tacho colocar um pouco de água, e levar ao lume para que ferva, colocar a taça em cima do tacho, mas de forma a que a taça não entre em contacto directo com a água. Assim que ferver desligar o lume e ir mexendo o chocolate até derreter completamente.

Estando derretido juntar 1 colher de sopa de coco e misturar.
Nas forminhas de bombons colocar um pouco de coco no fundo e colocar o chocolate derretido.

Este procedimento tem de ser feito com rapidez.
Levar ao frigorífico até solidificar, depois desenformar.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Top blogs de receitas

Parcerias com:

Chás, Compotas, Mel....

Comprar on-line