Pesquisa personalizada
Quando fiz os pastéis de feijão sobrou-me recheio, que na altura congelei. Resolvi fazer agora uma tarte de feijão com essa sobra. Não ficou muito grande, pois o recheio não era muito, mas ficou saborosa.

Ingredientes:

1 embalagem de massa quebrada fresca

O recheio podem ver aqui.

Preparação:

Forrar a tarteira com a massa quebrada, e deitar o recheio.

Levar a cozer em forno pré-aquecido a 180ºc.
Polvilhar com açúcar em pó.


Faz agora em Maio um aninho que resolvi criar este blog. Tenho a dizer que não me arrependo em nada, pois aprendi muitas coisas com todas vós, e continuo a aprender. Isto dos blogues é um mundo gigantesco.

Agradeço a todas as pessoas que me visitam e às que deixam o seu comentário.Obrigada pela vossa partilha também.

E assim sendo, aqui fica esta tarte de leite condensado, para quem aprecia.

A base é feita de bolacha moída, o que lhe dá aquele toque.Fica óptima.






Para a base:
250 g de bolacha Maria
125 g de margarina
8 colheres sopa de leite

Para o recheio:
1 lata de leite condensado (não é do cozido)
4 ovos
sumo de 1 limão médio


Confecção:

Partir e moer a bolacha.
Amolecer a manteiga e juntar à bolacha com o leite até formar uma pasta moldável.
Forrar uma tarteira (untada) com esta pasta.


Para o recheio:

Bater o leite condensado com as gemas e o sumo do limão.
Levar este preparado para cozer em lume médio até engrossar.
Bater as claras em castelo e deitar sobre o preparado anterior, já fora do lume.
Deitar o preparado sobre a tarteira forrada.
Levar a cozer em forno pré-aquecido a 180ºc. Demorou cerca de 35 minutos.

Polvilhar com açúcar em pó e um pouco de canela (opcional).


Nada como um leite creme caseirinho. Isso mesmo, feito com leite e gemas. Esta receita herdei-a da minha mãe, que sempre fez um leite creme de comer e chorar por mais. E aqui fica para quem a quiser experimentar e dizer de sua justiça.
Ingredientes:
1 litro de leite
4 gemas
Açúcar
4 colheres sopa farinha saluzena/maizena
1 casca de limão
1 pau de canela

Preparação:
Num tacho coloque o leite, adoce a gosto, junte a casca de limão e o pau de canela.
Retire uma porção do leite para uma tigela e junte as 4 colheres sopa de farinha saluzena para dissolver.

Numa tigela coloque as gemas e com um garfo desfaça-as e coloque-as no leite, assim como o conteúdo da outra tigela (a saluzena dissolvida).
Leve ao lume e sem parar de mexer, deixe que ferva.

Deixe ferver uns minutinhos para engrossar.
Retire do lume e retire tanto a casca de limão como o pau de canela. Verta para um prato ou para taças individuais.

Deixe arrefecer e entretanto leve ao lume o ferro para aquecer e de seguida queimar o açúcar (isto no caso de não ter um eléctrico, que é o meu caso). Quando o ferro estiver bem quente, polvilhe com açúcar o leite creme e, queime-o com o ferro caramelizando o açúcar.


Pode optar em vez de caramelizar pode polvilhar com canela.


Para o almoço de domingo fiz este franguinho dourado no forno, pois já há muito tempo que não fazia. Acompanhei com um esparregado de espinafres, que simplesmente adoro.


Ingredientes:

1 frango

Batatas pequenas

Cebola, piri-piri

Para a marinada:

Alhos (5 dentes esmagados), vinho branco, salsa (usei da seca), sal, pimenta preta e colorau


Preparação:

Faça uma marinada com os ingredientes acima mencionados. Limpe o frango e parta-o aos bocados.Coloque na marinada e deixe a marinar pelos menos 6 horas (o frango deve ficar coberto com a marinada).

Descasque as batatas e tempere-as com sal.

Numa assadeira corte a cebola às rodelas e coloque o frango, dispondo as batatas à volta.

Verta a marinada por cima do frango e das batatas.

Polvilhe agora as batatas com colorau, e regue tudo com azeite.

Leve ao forno a assar a 225ºc e vá regando de vez em quando o frango com a calda.

Assim que estiver praticamente assado (demora cerca de 1h e 1/2h), pegue em piri-piri liquido e salpique o frango, deixando estar no forno mais uns 2/3 minutos.

Sirva com esparregado de espinafres.


Este fim de semana fiz esta tartezinha que tirei daqui e achei tão apetitosa, que resolvi experimentar. E, realmente é deliciosa. Fica uma tarte baixinha, mas muito saborosa.

Ingredientes:

4 maçãs (usei só 3)
1 ovo inteiro
2 gemas de ovo
150 gr. açúcar
125 gr. manteiga
1 cálice de vinho do porto
170 gr. farinha com fermento
1 colher chá de fermento em pó
1 pitada de sal

Preparação:

Misturar todos os ingredientes (excepto a maçã) no liquidificador (se não tiver bata um pouco com a batedeira).
Pré-aquecer o forno a 180º pelos menos 15 minutos.
Descasque as maçãs, corte aos quartos e dê golpes na parte superior e reserve.
Forre uma forma de fundo amovível com papel vegetal untado com manteiga e verta o preparado na forma.

Cubra com os quartos de maçã laminados (com a parte cortada para cima) e leve a cozer (demorou uma média de 35 minutos).
Retire do forno assim que estiver cozida, deixe arrefecer e desenforme.
Polvilhe com açúcar em pó e um pouco de canela.


Mais uma invenção minha.E não é que resultou!
Resolvi fazer um doce que leva uma base de bolacha molhada em café e por cima uma base de massa de bolo de chocolate acompanhado de recheio e cobertura de creme de ovos.
Como não tenho nome resolvi chamar-lhe delícia de bolacha e bolo de chocolate com creme de ovos à Ratolinha.
Aqui fica para quem quiser experimentar.



Ingredientes:

2 pacotes de bolacha torrada

Café ou cevada forte para molhar as bolachas

Para a massa:

6 ovos

12 colheres sopa açúcar

3 colheres sopa chocolate em pó

3 colheres sopa farinha com fermento

1 colher chá fermento em pó


Creme de ovos:

230 gr. açúcar

250 ml água

8 gemas

Preparação:

Comece por preparar a massa:

Bata os ovos com o açúcar. De seguida envolva a farinha, o chocolate em pó e o fermento.

Numa forma redonda de fundo amovível, forre o fundo com papel vegetal e unte-o com manteiga assim como o aro.Verta o preparado e leve a cozer a 180ºc em forno pré-aquecido (coze rápido).Depois de cozido retire e deixe arrefecer.

De seguida prepare o creme de ovos:

Leve ao lume a água e o açúcar, deixe ferver cerca de 3/4 minutos.

Retire e deixe arrefecer.

Depois de frio junte as gemas e mexa bem, leve novamente ao lume e sem parar de mexer deixe ferver até adquirir a consistência desejada. Se necessário no fim passe a varinha mágica.

E por último vamos às bolachas.

Pegue no aro amovível da forma onde cozeu o bolo e coloque-o num prato para montar o bolo.

Faça um café forte e molhe bolachas e, com a ajuda de uma escumadeira retire-as e coloque dentro da forma até formar uma base de bolachas de +/- 1 cm de altura. Barre com um pouco de creme de ovos e coloque nova camada de bolachas (as bolachas devem ficar até meio do aro da forma).Barre novamente com o creme de ovos e agora coloque a massa de bolo. Por fim barre o topo com o restante creme de ovos.

Leve ao frigorífico por umas 4 horas e está pronto a servir. Retire o aro, mas antes passe uma espátula à volta para ajudar a soltar o doce.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Top blogs de receitas

Parcerias com:

Chás, Compotas, Mel....

Comprar on-line